Quinta-feira, 9 de Setembro de 2010

Gosto de gente assim

Por causa desta última crónica de Joel Neto e, também, da sua penúltima, lembrei-me disto:

 

♦ Gosto de gente que vibra, que não tem de ser empurrada, que não precisa que se lhe diga que faça as coisas, mas que sabe o que tem que fazer. E faz. Gente que cultiva seus sonhos, até que esses sonhos se apoderam de sua própria realidade.

♦ Gosto de gente com capacidade para assumir as consequências das suas acções, de gente que arrisca o certo pelo incerto para ir atrás de um sonho, que se permite abandonar os conselhos sensatos, deixando as soluções nas mãos de Deus.

♦ Gosto de gente que é justa com a sua gente e consigo mesma, de gente que agradece o novo dia, as coisas boas que existem em sua vida, que vive cada hora com ânimo, dando o melhor de si, agradecida por estar viva, por poder distribuir sorrisos, de oferecer suas mãos e ajudar generosamente sem esperar nada em troca.

♦ Gosto de gente que sabe a importância da alegria e a pratica. De gente que por meio de piadas nos ensina a conceber a vida com humor. De gente que nunca deixa de ser animada. Gosto de gente que nos contagia com a sua energia.

♦ Gosto de gente sincera e franca, capaz de se opor com argumentos razoáveis a qualquer decisão. Gosto de gente fiel e persistente, que não descansa quando se trata de alcançar objectivos e ideias.

♦ Encanta-me gente com critérios, que não se envergonha em reconhecer que se equivocou ou que não sabe algo. De gente que, ao aceitar seus erros, se esforça genuinamente por não voltar a cometê-los. De gente que luta contra adversidades. Gosto de gente que busca soluções.

♦ Gosto de gente que pensa e medita internamente. De gente que valoriza os seus semelhantes, não por estereotipo social, nem como se apresentam.

Gosto de gente com personalidade.

 

Impossível ganhar sem saber perder.

Impossível andar sem saber cair.

Impossível acertar sem saber errar.

Impossível viver sem saber reviver.

 

(Mario Benedetti, Da gente que eu gosto - excertos.)

 

E também me lembrei disto:

 

 

PS: Impossível andar sem saber cair... Só porque me recordei do dia. Faz hoje "alguns" anos que, com nove anos, andei, corri, não soube cair... e parti uma perna. Não correu bem. E eu, sem saber que aquele médico acabaria por fazer o pior, gritava-lhe, com dores, sem anestesia e qual adivinha: "Tanta coisa para nada!". Uma semana depois, posterior operação de três horas. Com outro médico. Nunca mais gritei. Um ano não perdido, mas ganho. E nunca mais parei. De andar, de correr, até hoje. Sem me lembrar, sequer, do Prof. Fernando de Magalhães. Obrigada. Gosto de gente assim. (Que sabe o que faz.)

publicado por tresgues às 11:57
link do post | comentar
comentários:
De SofiaAlexandra@ a 9 de Setembro de 2010 às 14:35
'Gosto de gente com genica !'

Assim se resume o teu post . Mais um brilhante post, digamos (:

Agora eu:
Gosto de gente que vive a vida sempre com um sorriso na cara, sempre intensamente como se fosse o último dia. Que comenta riscos, que erre, que caia, que se esfole, mas que se levante, que tenha amigos que o ajudem, gosto de gente com gosto próprio, com ideias fincadas, com garra, com genica, com força de vontade, teimosos e finca-pé. Gosto de gente com personalidade, que nunca pára, com força!
Gosto de gente que tem blogs :b , gosto de gente que se ergue perante multidões, gosto de gente que marca a diferença, gosto de gente que gosta de competir, gosto de gente que dá nas vistas, gosto gosto gosto !
De tresgues a 10 de Setembro de 2010 às 08:42
UaU! Gosto de gente assim!
Eu, um "pouco" mais velha, às vezes, já me vai faltando essa energia toda. Mas acho que é só quando estou a dormir...( ou cansada.) ;)
De Mecanico do Paladar a 11 de Setembro de 2010 às 12:34
.... mai nada!
De Mestre Hirão a 9 de Setembro de 2010 às 23:07
Alguém disse qualquer coisa assim: "As pessoas não se avaliam pela forma como caiem mas pela forma como se levantam"
De tresgues a 10 de Setembro de 2010 às 08:45
Mestre, tem toda a razão.
Alguém disse - e também tinha razão.
Muita!
De ultimodosprofetas a 10 de Setembro de 2010 às 07:36
ja tinha falta de um posting
De tresgues a 10 de Setembro de 2010 às 08:47
Falta de um posting? De quem?
Eu ainda nem fui de férias...
(enquanto que os "profetas" já foram e já vieram!)
De Mecanico do Paladar a 11 de Setembro de 2010 às 12:33
Interessante.
Ainda não tenho filhos, mas fica já o apontamento.
Vou fazer o registo da idade com que aprendeu a cair, e como não podia deixar de ser, com que aprendeu a andar.
Assim, quando ele for grandinho, posso fazer um figurão a dizer o meu filho que aprendeu a cair aos não sei quantos meses.
Beijos do sobrinho.
De tresgues a 12 de Setembro de 2010 às 16:00
Mai nada!
Bom fim-de-semana pró sobrinho e restante família também.

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 34 seguidores

.pesquisar

.Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Em...2016...

. Boas-Festas

. Não!

. O meu pica do sete

. As escolhas de tresgues

. Cenas quotidianas

. Coisas da vida

. As escolhas de tresgues

. As escolhas de tresgues

. Fifi, o malabarista

. Educação diferente. Porqu...

. Bom dia

. As escolhas de tresgues

. Coisas da vida política

. Fifi, o calhandreiro

.links

.subscrever feeds