Sábado, 9 de Outubro de 2010

Mas quem é que gosta deste tempo?

(Podia ter sido um dia destes...)

 

Levantei-me cedo, vesti-me lentamente, agarrei no casaco, nas chaves e fui silenciosamente para a garagem. Dei à chave e aproximei a mota do portão, preparando-me para sair.
Ao sair, deparei-me com uma chuva torrencial, toda a rua inundada e um vento frio que soprava pelo menos a uns 100 km/h. 
Voltei a meter a mota na garagem e apaguei  o rádio, depois de me inteirar que a chuva e os ventos fortes iriam durar todo o dia, estando todo País em alerta amarelo. 
Entrei de novo em casa, despi-me silenciosamente e deslizei para dentro do leito conjugal. 
Aconcheguei-me nas costas da minha mulher e sussurrei-lhe ao ouvido: "O tempo lá fora está horrível!".
Ela, acariciando-me, contestou-me meia adormecida:   
"Podes crer. Já reparei. Então e não é que o maricas do meu marido foi de mota para o trabalho?" 

 

(Enviado por mail.)

Quero acreditar que seja anedota. Caso contrário ficaria bem caladinho. Não?


Nota: Quem costuma sair de mota para ir trabalhar? Ah, segundo consta, o caso também se aplica para os que saem cedo para caminhar, andar de bicicleta, caçar, pescar ou outros similares - acrescenta quem me enviou o mail.

Mas quem é que gosta deste tempo? 

A propósito, a minha gripe - felizmente, coisa rara em mim - "está bem" e recomenda-se. Por isso estou aqui.

 

 

publicado por tresgues às 19:20
link do post | comentar
comentários:
De rodrigando a 9 de Outubro de 2010 às 22:13
Que bom regresso!
Com uma gargalhada!!!
Acabei (quase) o tratamento. Vou voltar devagarinho.
Um abraço e obrigada pelos ralhetes e "puxôes de orelhas".
Recebi-os na devida altura e fizeram o efeito desejado.

De tresgues a 10 de Outubro de 2010 às 12:17
Definitivamente, dias como 10-10-10, são dias de boas notícias. (E eu que nem ligo a estas manias!)
Que bom, que bom, que bom, que bom!
Mas então eu ralho e dou puxões de orelhas? Parece que não é a primeira a dizer-me isso... só que eu não dou por nada! Pois, mas pelos vistos é verdade. No entanto, a maioria das pessoas acho que não é como a Rodrigando, pois não gosta destes alertas menos meigos (que era o que eu faria a mim própria) e prefere os do género mais "maricas" (como o marido da outra, que até vai trabalhar de mota num dia de chuva e vendaval. Bem parvo era se tivesse ido!;)
Obrigada pela visita.
O meu domingo vai correr melhor e a minha gripe até se vai lembrar que eu, embora paciente, não sou pessoa para lhe dar grandes tréguas.
Um grande, grande abraço.
De rodrigando a 10 de Outubro de 2010 às 19:23
Eu também não sou pessoa de superstições. Por essa razão nunca dou seguimento às tais correntes que às vezes recebo, a menos que se trate de apelos relativos à saúde. Respeito as dos outros mas entendo que não tenho que quebrar as regras em que acredito para dar seguimento a superstições.
Quanto aos "puxões de orelhas" sempre os recebi porque quem os dá fá~lo porque gosta de nós.
Quanto à sua gripe com o tempo que está decerto que ela prefere estar agasalhada e quentinha do que andar por aí à chuva. Nós temos a mania de as tratar bem e depois queremos que elas se vão embora...
Um grande abraço.

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 34 seguidores

.pesquisar

.Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Em...2016...

. Boas-Festas

. Não!

. O meu pica do sete

. As escolhas de tresgues

. Cenas quotidianas

. Coisas da vida

. As escolhas de tresgues

. As escolhas de tresgues

. Fifi, o malabarista

. Educação diferente. Porqu...

. Bom dia

. As escolhas de tresgues

. Coisas da vida política

. Fifi, o calhandreiro

.links

.subscrever feeds