Quinta-feira, 3 de Julho de 2008

Dois meses e "picos" - de mim.

Faz hoje dois meses - e três dias - que me iniciei na blogosfera.

Posso dizer-vos que o balanço continua positivo.

Tirando o facto de não ter tanto tempo para ler os blogs de que gosto, nada de negativo a apontar.

Coisas positivas?

Vamos a elas:

 

- Continuo com a firme convicção que tenho muitas dificuldades em ser sintética. Na escrita - tal como na fala. Não sou capaz de fazer resumos. Começo um assunto, lembro-me logo de outro. Depois os posts ficam demasiado grandes e podem afastar os (possíveis) leitores.

Não sei como há gente que nunca tem nada para dizer...

Eu sei. São aqueles que não têm blogs!

Um dia conto-vos um episódio sobre este assunto - da época em que andava a estudar...

JÁ NÃO DIGO MAIS NADA.

 

Ah! O aspecto positivo?

Estou muito melhor.

Pronto!

Classificação: BOM

 

- Aprendi coisas que não sabia* e revi outras que já tinha esquecido.

Também já esqueci algumas que aprendi aqui. Mas, isso, faz parte da vida!

Classificação: MUITO BOM

 

* Ex: Fiquei a saber da controvérsia que anda por estes meios por se manter incógnito o perfil de um blog. Entendi e até compreendo. Também não gosto de quem  não se  mostra tal como é. Se não tem nada a esconder... Irei abordar este assunto, mais tarde e, "perfilar-me-ei" um pouco melhor.

 

3ª - Consegui resolver alguns problemas sozinha. Pôr fotos, filmes, instalar sitemiter...

Os filmes o quê? Estão pretos? Ora! Era de noite. A máquina é mini. Estava com medo* de filmar os alemães a perder...

Classificação: BOM

 

Aprendi* - com o ponto que descrevi anteriormente - que ser repórter ou jornalista não é nada bom. De guerra, então...

Quando a filha me diz: - Ó mãe! E se eles ainda ganham!? Estás a imaginar os foguetes?

Estava. Só quem não passou cá a passagem de ano... Pernas para que te quero... Detesto foguetes!

Mas o carro da imprensa local - que estava ao meu lado - ficou lá...

Profissão de jornalista? Merece pontuação máxima.

Classificação: MUITO BOM

 

4ª - Só coloquei há um mês o sitemiter mas deu para ver que as visitas aumentaram.

O meu gosto por futebol foi o grande responsável.

Desde que abordei o tema Euro 2008, dispararam.

Tenho a agradecer, também, aqui  o destaque e aqui  a recomendação da galeria de fotos.

Classificação: Muito Bom

 

 

 PS1: Acho graça aos que dizem que não passam por aqui e passam; aos que não dizem nada e passam; acho menos graça, aos que dizem que passam e não passam - porque, esses, são aqueles que eu gostava que passassem mais vezes, claro! 

E acho muita graça aos que dizem que passam e passam mesmo. Para estes:

Classificação: Muito Bom

 

PS2: Se contarmos que, digamos, um quarto das visitas é minha; menos de um quarto é de pessoas conhecidas e amigas; os restantes - ou seja, mais de metade -  meus amigos, sabem do que vêm à procura?

Pois, pasmai!

De Neireda Gallardo!!!

As informações que fui dando sobre os jogadores, resultados dos jogos, imprensa local, etc - sobre o Euro -  tiveram essa consequência.

E se, ontem, tive uma pessoa que veio à procura de coisas a um euro, também consegui chegar à Ásia. (Faltam os polos. Norte e Sul.)

Porquê?

Porque uma pessoa do Vietname também queria saber "coisas".

Sobre quem?

Ah, pois é!

Neireda Gallardo!!!

Meus amigos! Eu falei dos jogadores... Mas, não tenho nada a ver com as mulheres deles. Quando muito, limitei-me, nalguns casos - tal como neste, acerca do Cristiano Ronaldo - a dizer quem era, então, a sua namorada. Mais nada!

É que um dia a futura "legítima" podia não gostar.

Se for esta, tanto melhor. Vai entender. Penso eu...

 

Mas sabem que mais?

Como acabou o Euro - e as visitas, de certeza, vão baixar - vou fazer uma experiência.

Num post seguinte.

Não vou falar dela... O título fica para o CR. Uma tag só...

Depois conto-vos tudo!

 

Só tenho coisas que me ralem!

Até a minha avó havia de dizer, se eu escrevesse sobre ela:

- Deve ficar uma coisa "galharda", deve!

 

 

 

publicado por tresgues às 10:04
link do post | comentar
comentários:
De bibia a 3 de Julho de 2008 às 19:29
..... ra
béns!
Pa
ra
béns!
Pa
.......
béns!
De tresgues a 4 de Julho de 2008 às 14:37
**** bri
ga
da!
O
bri
ga
da!
O
****
gada!
De Portuguesinha a 13 de Dezembro de 2008 às 23:26
O que achei graça neste blog e neste post, foi você ter contado a sua falta de capacidade para ser sintética... pois sou igual! Compreendo e não vejo mal algum em escrever um pouco mais.

A "febre" do sitemeter, também a senti no início. Era giro, tão emocionante, perceber que pessoas de outros países, ainda mais daqueles que nem ouvimos falar, vão parar ao nosso blog e aí passam uns minutos.

Concordo que não tem mal ter perfil, mas para todos prefiro colocar um nome de acordo com o assunto e tipo de blog. Levo a sério a privacidade, pouco entendo dos métodos de invasão, pelo que prefiro falar a verdade e toda a verdade, sem nomes reais. Afinal, servem para quê? Que diferença faz se meu nome de BI é Catarina, Ana, Maria ou o quê? Sou quem sou e não podia estar mais exposta que pelos textos que contam tanta coisa e já é um risco. Só para comentar aqui, já estou a submeter-me ao controle do sitemiter e da gravação de IP. Nos tempos que correm, não se deve correr o risco de facultar nomes reais. Nenhum especialista no combate à burla e ao tráfego humano o recomendaria.

Quanto a deixar comentários, deixo sempre que me apetece. Ás vezes, estreio bons blogs antigos que ninguém comentou sabe-se lá porquê. Não é um gesto que leve tempo, nem aborrece. Não compreendo porque tantos não o fazem. Acho que é somente por preguiça de hábito! Os dedos só gostam do joystick das playstations e teclar é tão "chato" quanto pegar numa caneta e escrever pelo próprio punho...

Cumprimentos.
Espreite meu blog. Vai ver quem sou e como pode ser extenso! :)
De tresgues a 15 de Dezembro de 2008 às 01:02
Olá e obrigada pelos comentários.
Já passei pelo seu blog, li alguns posts "na diagonal" e achei interessante o que li...
Olhe quer saber uma coisa? Já houve alturas (logo de início) que me preocupava com essas coisas dos comentários. Hoje já não. Acho que escrevo porque gosto, quando quero e me apetece e... posso, claro. (Neste momento o tempo não tem sido muito para aqui vir e o pouco que tenho, vá-se lá saber porquê (;), é para descansar tudo aquilo a que tenho direito...
Mais nada. E é isto que estou a adorar nestas bloguices...
Quanto ao ser-se pouco sintética é mesmo assim... Que se há-de fazer?
Quanto ao intuito do meu blog é exactamente o inverso do seu: tentar só dizer coisas boas, giras e... menos sérias... (parvas? tanto faz) só porque a vida tem sempre os dois lados - o mais e o menos sério. O mais e o menos positivo...
E sabe que mais? Cada vez mais (deve ser da idade) prefiro o menos sério e o mais positivo.
Saudações bloguísticas e continuação de bom trabalho.
De Anónimo a 2 de Janeiro de 2009 às 14:12
Só hoje dei pela sua resposta ao comentário que lhe deixei. Fiquei contente, porque é sempre satisfatório ter a confirmação de que foi lido e recebido. Como lhe disse, não me custa nada, mesmo nada, este simples acto de cortesia. Também não dou importância à quantidade de comentários do blog. O que todos os bloguistas têm em comum, é que escrevem para si, não para terceiros. O facto de alguém poder ler e se preocupar em dar resposta, trocar pensamentos, é apenas um agradável bónus.

Meu blog começou por ser um "grito", de uma altura de intensa dor, mas, repare que nunca foi depressivo... é mais um lugar para desabafar. Hoje apetece-me falar de uma notícia que vi na tv. É assim... como um diário, disponível a tantos, que poucos vêm. O misto do secreto e público.

Quanto a comentários nele, acho que recebeu 2 desde sempre... quer dizer: recebeu outro que não publiquei, porque era de uma entidade da comunicação social... tirando isso, quem por lá passa, não sei quantas alminhas, não comenta mas basta saber que lêm e, decerto, se identificam o reflectem no que por lá é escrito.

E pronto! Lá se foi a capacidade de síntese! Carreguei no "deixar mensagem" só para agradecer e comunicar que a "vi"... e olha a extensão de texto!

Bom Ano.
De tresgues a 2 de Janeiro de 2009 às 15:29
Muito obrigada e retribuo os seus votos BOM ANO!
De portuguesinha a 13 de Dezembro de 2008 às 23:32
ps:
não sabia e acabei de experimentar: não é que, carregando no sitemeter, qualquer um tem acesso à informação que julguei ser da exclusividade do autor do blog? Ou seja: eu mesma tive acesso a todos os dados daqueles que hoje a visitaram e seus ips. Sou a sua 24ª visita do dia... isto é assustador. Para mim é um tanto... não a assusta a si? Já não sei se devo ter sitemeter nos blogues... será que é por isso que deixei de ter leitores portugueses do google? Essa é outra que não entendo... tenho um blog que andava a receber quase 300 visitas diárias e subitamente, passou aos 60, depois aos 40, e ninguém de Portugal. Também não aparece na busca do Google quando, por vezes, as palavras-chave são precisas. Surgem outros que não têm nada a ver...

Privacidade na blogosfera... não deve existir.

cumprimentos
De Portuguesinha a 13 de Dezembro de 2008 às 23:39
desculpe... indiquei o endereço errado. Vai compreender porquÊ se espreitar. agora está certo.
Des cul pas...

é para ver o quanto não é uma estratégia para o divulgar. Se fosse, tinha-o escrito por extenso e não me enganaria! É mesmo para que o espreite, se lhe apetecer.

Cumprimentos

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

.Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
31

.posts recentes

. Em...2016...

. Boas-Festas

. Não!

. O meu pica do sete

. As escolhas de tresgues

. Cenas quotidianas

. Coisas da vida

. As escolhas de tresgues

. As escolhas de tresgues

. Fifi, o malabarista

. Educação diferente. Porqu...

. Bom dia

. As escolhas de tresgues

. Coisas da vida política

. Fifi, o calhandreiro

.arquivos

.links

.subscrever feeds