Quinta-feira, 25 de Abril de 2013

Vinte e cinco de Abril. Com cravos. E com rosas!

Vinte cinco de Abril e o cravo.

Vinte cinco de Abril e a rosa.

Por que não?

 

Eu hei-de escrever uma carta aberta (fechada não é tão Seguro que alguém veja) a quem de direito, dizendo que não tenho nada contra os cravos, antes pelo contrário, mas acho que a rosa também devia ser incluída nas celebrações deste dia. Porquê? Porque democracia é isso mesmo. É dar oportunidade aos cravos que se destacaram, sim - e que muito fizeram pela mesma democracia - mas, já agora, por que não destacar também uma flor feminina? Sim, porque elas estiveram lá, nesse tal dia 25 de Abril de 1974, só que ninguém lhes ligou, ninguém pegou nelas, ninguém as ofereceu a um daqueles soldados, e elas, as flores femininas, ali ficaram a um canto, esquecidas, mas com tanta ou mais vontade de participar na revolução como eles, os cravos. Sim, é verdade. Existia esse preconceito. Só os cravos podiam sair, só a eles ficava bem manisfestarem-se, só os cravos podiam andar na gandaia a festejar, só os cravos se ofereciam para um qualquer valente soldado (não sei se esta me correu muito bem). Mas as coisas mudaram. Ou precisam mudar (sim, porque ainda existe por aí muita opinião, quantas vezes camuflada, advinda de um tal extinto 24 de Abril de 74). E como as cravas, as mulheres dos cravos, são o que são e são isso mesmo (cravas é o que mais há p'raí em abundância), reivindico o direito de passarmos também a associar este dia às rosas. A todas. Mas principalmente às vermelhas, claro. Em representação de todas as flores femininas, claro. Lindas, belas, perfumadas e tão conscientes do seu dever cívico e social como as que nascem todos os anos por esta altura no meu jardim.

 

Vinte cinco de Abril, sempre.

Com cravos . E com rosas!

 

 

 

publicado por tresgues às 10:58
link do post | comentar

.mais sobre mim

.pesquisar

.Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
31

.posts recentes

. Em...2016...

. Boas-Festas

. Não!

. O meu pica do sete

. As escolhas de tresgues

. Cenas quotidianas

. Coisas da vida

. As escolhas de tresgues

. As escolhas de tresgues

. Fifi, o malabarista

. Educação diferente. Porqu...

. Bom dia

. As escolhas de tresgues

. Coisas da vida política

. Fifi, o calhandreiro

.arquivos

.links

.subscrever feeds