Sábado, 20 de Julho de 2013

Foi em Julho que nasci

E recordar é viver.           

Hoje acordei e pensei: "Nem toda a gente chega à minha idade."

E, mentalmente, agradeci.

E, fisicamente, hei-de festejar. 

E começo já agora:

 

Foi em Julho que me conheci  

Trazia nos olhos a luz de Maio, (Vai-se lá saber porquê!)  

Nas mãos o calor de Junho. E um sorriso.  

Um sorriso tão grande que não cabia em mim  

Ouve, adoro ver o mar. (Não sei o que é isto te interessa... Mas pronto.)

Fui o 30 de Fevereiro de um ano por inventar  

Falo, falo coisas loucas que acabo em silêncio, cansada de falar 

E eu, ainda não aprendi a abrandar.

 

Sim, eu sei, que tudo são recordações  

Sim, eu sei, é triste viver de ilusões  

Mas eu fui a «mai linda» coisa de amor  

Que um dia lhes aconteceu

E recordar é viver  

Só eu e eles (Coitados deles. Dos pais.)

 

Não sei o mês em que vou partir (Nem me interessa disso para nada, bolas! Só tenho coisas que me ralem)

Mas levo nos olhos o calor de Julho e nas mãos o mês lindo de Janeiro.  

Lembro-me, que me disseste que o meu corpo estava quentinho.   

E eu, que sempre fui forte, respondi que não tinha frio. 

Falei-te do vento norte  

Não, não me digas que não te lembras (Filha! Sempre a mesma coisa! Uma pessoa a esforçar-se...) 

Quem sabe, talvez um dia? Como eu adorava, meu Deus? (Que coisa de letra de música!)

Nã! Já és como eu. (Muito melhor, mas isso agora também não interessa. Nada.)  

Sou louca? Não sei, talvez!

Mas por pouco, muito pouco (ou mesmo nada)  

Eu voltaria a ser mais louca; e nasceria hoje outra vez. (Apesar da crise e tudo... E quem sabe se não seria a Salvação Nacional? Nada me espantava. Porque já nada me espanta.)

 

Sim, eu sei, que tudo são recordações  

Sim, eu sei, é triste viver de ilusões  

Mas eu sou «a mai linda» coisa de Julho

Que dia 20 nasceu

E recordar é viver  

Só eu e eu (3x)

(E mais a filha (6x) e todos os meus. Muitas mais vezes. Espero.)

 

Parabéns a mim! (Sim, fui bebé Nestlé. Com direito a fotos no jornal e tudo! Um dia mostro as outras.)

Podem cantar com esta música, apesar de qualquer semelhança com a realidade ser (pouco) pura coincidência. Mas, apesar de (pouco) pura, já foram feitas análises e não contém perigo algum para a saúde.

Podeis, pois, ir a banhos.

Boas Férias a todos!

 

publicado por tresgues às 09:48
link do post | comentar

.mais sobre mim

.pesquisar

.Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
31

.posts recentes

. Em...2016...

. Boas-Festas

. Não!

. O meu pica do sete

. As escolhas de tresgues

. Cenas quotidianas

. Coisas da vida

. As escolhas de tresgues

. As escolhas de tresgues

. Fifi, o malabarista

. Educação diferente. Porqu...

. Bom dia

. As escolhas de tresgues

. Coisas da vida política

. Fifi, o calhandreiro

.arquivos

.links

.subscrever feeds