Quarta-feira, 25 de Março de 2009

Putumayo - Gosto.

Guaranteed to make you feel good!

"Não importa como se sinta, convidamo-lo a compartilhar connosco jornadas musicais ao  redor do mundo."

 

É este o slogan da compilação de músicas dos CDs Putumayo World Music - que descobri, aqui, num supermercado Bio - e dos quais sou fã.

Comprei já uns quantos e, para além de ficar a conhecer melhor a música - e os músicos - de vários países, sei que, ao comprá-los, contribuo para boas causas.

 

Para quem ainda não conhece, aqui deixo o conceito do selo desta marca de música sem fronteiras: reunir artistas dos cinco continentes, numa aposta de integração musical, mostrando-nos, assim, um mundo melhor.

 

1 - Como nasceu

Dan Storper, seu fundador - percorria os cinco continentes em busca de roupas e artesanato para a sua loja em Nova York. Nessas viagens, toma conhecimento e começa a interessar-se pela música dos lugares que visita.

Formado em estudos Latino-Americanos, as suas primeiras viagens são essencialmente feitas a países como a Bolívia, o Peru ou o Equador.

Paralelamente, parece não gostar da música que passa na sua loja.

Resolve, então, começar a usar a música desses lugares como som ambiente da mesma.

O sucesso é tal, que os clientes começam a prestar mais atenção à música do que ao exposto nas montras.

 

Nasce assim, em 1993, a gravadora Putumayo - nome com origem num rio Colombiano - hoje espalhada e enraizada pelos cinco continentes.

 

2 - A música

Desde o jazz aos blues, da latina à africana, à francesa, à italiana ou ao fado - que podemos encontrar, por exemplo, num CD de tango.

As fusões musicais e os fascinantes sons multiculturais são, aliás, uma constante.

A música para crianças não foi esquecida.

Os músicos, desde os mais conhecidos aos quase desconhecidos, têm um ponto comum: uma abertura à música de outras culturas e a promoção da unidade e da paz através de colaborações artísticas.

 

3 - Os CDs

Assentes em pesquisas musicais à volta do mundo, primam pelo bom gosto do projecto gráfico das suas capas, desenhadas pela artista plástica britânica Nicola Heindl.

Todos os pormenores foram pensados ao detalhe. Podemos encontrar em várias línguas, a informação individualizada dos músicos que os integram. Mas não só. Podemos ainda, nalguns casos, aprender receitas típicas de algumas regiões ou observar fotos das mesmas.

Parte dos lucros é revertida para projectos sociais e humanitários que estão explícitos nos vários CDs.

A sua venda pode ser encontrada em locais tão diversos como cafés, lojas de roupa ou supermercados. Não esquecendo a net, claro.

 

E pronto. Para não vos "moer" mais aqui ficam alguns links:

 

1- O site da  Putumayo;

2 - Os CDs;

3 - Ofertas especiais;

4 - Os vídeos;

5 - Música para crianças;

6 - A Música on-line - rádio.

 

 

Espero que gostem tanto como eu.

Have nice day and... Feel good!

(Imagem da net-Tenho este!)

publicado por tresgues às 11:08
link do post | comentar
comentários:
De BIBIA a 28 de Março de 2009 às 15:15
PUNTUMAYO PRESENTS "CUBA"!
Desde as musicas ao calor dos desenhos das capas...Gosto muito!Mais uma em comum!
De tresgues a 28 de Março de 2009 às 17:21
Si, si, claro.
Cuba e otras. "Un mundo, muchas culturas."

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 34 seguidores

.pesquisar

.Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Em...2016...

. Boas-Festas

. Não!

. O meu pica do sete

. As escolhas de tresgues

. Cenas quotidianas

. Coisas da vida

. As escolhas de tresgues

. As escolhas de tresgues

. Fifi, o malabarista

. Educação diferente. Porqu...

. Bom dia

. As escolhas de tresgues

. Coisas da vida política

. Fifi, o calhandreiro

.links

.subscrever feeds