Quinta-feira, 4 de Setembro de 2014

Ladrões são como chapéus

Há muitos.

"A ocasião em que o embaixador Pedro Catarino percebeu que não há almoços grátis"* - Público. E o embaixador Catarino ficou exasperado. E eu G. Catarino também já assim fiquei. Quando percebi o mesmo.

 

E lembrei-me desta curta, mas impactante reflexão, que se aqui também se aplica:

1- O ladrão vulgar rouba-te: o dinheiro, o relógio, a carteira, o carro e/ou o telemóvel.

2- O político rouba-te: a felicidade, a saúde, a vivenda, a educação, a pensão ou o trabalho.  

3- O primeiro ladrão elege-te a ti. O segundo ladrão és tu que o eleges.

 

Deve ser por tal razão que muito político advoga ou que muito advogado politica. E sim. Também escolhemos, às vezes (quando não nos são "impingidos"), os advogados. 

 

Confirmo.

Já fui assaltada das duas maneiras.

Da primeira maneira até me pediram desculpa pelo pouco que levaram. Ou, no fim, tudo apareceu em ordem. Ou não levaram nada de especial porque não tenho nada de especial e deixaram tudo muito bem. Eram ladrões amigos.

Da segunda maneira, fui, e estou a ser bem mais/melhor roubada. E nunca me pediram desculpa. Nunca mais vou ter as coisas na mesma ordem. E, apesar de não ter nada de especial, levam que se fartam e deixam tudo, e todos, muito mal. Eram amigos ladrões.

E a diferença entre ladrões amigos e amigos ladrões é grande. Enorme.

 

É claro que ladrões honrados há poucos. Mas eu até conheço alguns. Os primeiros, claro. Os assumidos. Os que roubam pouco. Os outros?  São os que roubam que se fartam porque assim tem de ser, porque o seu trabalho é uma coisa com pinta, do outro mundo, que mais ninguém faz, e que está acima de tudo e todos. Aliás, advogar e politicar é uma parceria que se funde como manteiga na frigideira em lume bem quente e está fora de questão duvidar do caso, porque são ladrões im-po-lu-tos. E sabem mais do que ninguém e, assim, roubam e mentem com muita/mais/e melhor pinta. Mas desconfio que seja honrável, im-po-lu-ta-men-te falando, que esse trabalho/roubo lhes seja pago.

Ainda bem que existem Catarinos.

Peço desculpa aos poucos amigos não ladrões. Aos honrados.

Deve haver.

 

PS1: Bem. Mas estes amigos ladrões* até enviavam as facturas. Vá... Lá.

PS2: Como ando a destralhar, este post também era dos que estava ali guardado. Só teve as devidas actualizações. Pelos vistos, a actualidade de algumas notícias é intemporal.

 

publicado por tresgues às 08:36
link do post | comentar

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 34 seguidores

.pesquisar

.Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Em...2016...

. Boas-Festas

. Não!

. O meu pica do sete

. As escolhas de tresgues

. Cenas quotidianas

. Coisas da vida

. As escolhas de tresgues

. As escolhas de tresgues

. Fifi, o malabarista

. Educação diferente. Porqu...

. Bom dia

. As escolhas de tresgues

. Coisas da vida política

. Fifi, o calhandreiro

.links

.subscrever feeds