Terça-feira, 23 de Dezembro de 2014

Mais um adeus

Joe Cocker - Voz inconfundível. deixou-nos como tantos outros sem nos pedir autorização. E, por ventura, sem que fosse esse o seu desejo.

Das muitas músicas que ficam para a história, a próxima entrou num dos momentos mais divertidos da história de uns velhos amigos quando, numa festa, mandámos os homens todos para o sótão, comandados pelo nosso amigo LL - velho amigo que, apesar de não saber de nada, sabíamos que não nos ia deixar mal - e nós, mulheres, revirámos a sala em segundos, sentámo-nos com ar de senhoras sérias que somos e eis que começa o Joe Cocker, alto e bom som:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E foi vê-los deslizar pelas escadas, uns mais matrafões do que outros, uns mais desinibidos do que outros, mas todos numa boa, enquanto nós, senhoras sérias, idóneas, responsáveis e mães de família, tentávamos "ignorar o óbvio,". 

Obrigada, por estas e por outras, Joe Cocker.

Sei que vais encontrar um ou dois amigos que protagonizaram esta cena  e, decerto, também se divertiram contigo. E tu, se visses, acho que também te divertirias.

Um deles partiu também há muito pouco tempo.

Diz que a vida é assim.

publicado por tresgues às 14:07
link do post | comentar

.mais sobre mim

.pesquisar

.Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
31

.posts recentes

. Em...2016...

. Boas-Festas

. Não!

. O meu pica do sete

. As escolhas de tresgues

. Cenas quotidianas

. Coisas da vida

. As escolhas de tresgues

. As escolhas de tresgues

. Fifi, o malabarista

. Educação diferente. Porqu...

. Bom dia

. As escolhas de tresgues

. Coisas da vida política

. Fifi, o calhandreiro

.arquivos

.links

.subscrever feeds